top of page

Em seis meses, Energisa identifica mais de 590 mil kWh de energia furtados na região

Quantidade de energia recuperada seria o suficiente para abastecer 2.968 casas durante um mês.



Com o apoio de um sistema de inteligência que monitora o consumo de energia de 861 mil clientes em 82 cidades, e equipes em campo realizando inspeções periódicas em situações suspeitas, a Energisa Sul-Sudeste recuperou, em seis meses, 593.686 kWh de energia nas regiões de Assis e Tupã. Essa energia foi desviada irregularmente por meio de ligações clandestinas e adulteração em medidores, onerando diretamente o bolso de todos os clientes que pagam a conta em dia. “Os furtos e fraudes de energia impactam diretamente na qualidade do fornecimento de energia elétrica, na arrecadação de impostos e na vida dos clientes regulares, uma vez que os custos de energia decorrentes desses furtos são reteados entre todos, prejudicando diretamente quem paga suas contas em dia”, explica Renan Felix Fernandes Souza, coordenador de Medição e Combate às Perdas de Energia. Por esse motivo, nos 27 municípios atendidos nessas regiões a Energisa tem equipes especializadas que mantêm uma rotina de monitoramento e inspeções técnicas, a fim de verificar quaisquer irregularidades no consumo de energia, seja em imóveis residenciais, comerciais, industriais, em áreas urbanas e rurais. De janeiro a junho deste ano, a concessionária realizou 463 inspeções em sua área de atuação regional, que confirmaram 53 irregularidades. O total desviado foi de 593.686 kWh, o que seria o suficiente para abastecer 2.968 famílias durante um mês. “Quem furta energia está lesando os demais clientes e ainda colocando em risco a própria vida e dos vizinhos. Somente as equipes da Energisa têm autorização legal, instruções técnicas e de segurança para fazer serviços e quaisquer intervenções na rede elétrica. Ou seja, adulterar o medidor ou fazer ligações diretas na rede é um crime e uma prática de alto risco à vida”, enfatiza Renan. Por isso, se você presenciar alguma prática de uso clandestino de energia, não compactue: denuncie. A Energisa recebe as denúncias de forma anônima pelos seus canais de atendimento: www.energisa.com.br na aba Serviços Online > Mais Serviços > Denuncie Furto de Energia, ou fale gratuitamente pelo telefone 0800 70 10 326.


Assessoria de Comunicação

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

PM recaptura quase 400 detentos durante saidinha

Quase 400 detentos foram flagrados descumprindo as regras durante a saidinha temporária de fim de ano. Para terem direito ao benefício, os presos devem seguir algumas medidas enquanto estão nas ruas.

Comments


bottom of page